Uma vida com hábitos saudáveis pode representar longevidade

Para viver mais e melhor, a saúde deve ser a preocupação número um de qualquer indivíduo. Estudos apontam que a alimentação saudável e a prática regular de exercícios podem ser a chave para ganhar mais anos de vida

De acordo com uma pesquisa realizada pela Escola de Saúde Pública de Harvard, ter hábitos de vida saudáveis pode aumentar a expectativa de vida consideravelmente. O aumento médio é de 12 anos para homens e até 14 anos para mulheres, além de você viver melhor. O estudo foi publicado na renomada revista científica Circulation, e acompanhou a rotina de 123 mil pessoas ao longo de 34 anos. 

De acordo com os pesquisadores, existem cinco principais regras a serem seguidas para expandir a longevidade: evitar o consumo de nicotina, levar uma vida ativa fisicamente, alimentar-se bem, limitar o consumo de álcool e manter o corpo dentro do Índice de Massa Corpórea (IMC) adequado. 

A importância do exercício físico para a longevidade

A Organização Mundial da Saúde (OMS) conta com recomendações referentes à prática do exercício físico para a prevenção de doenças. Segundo o órgão, adultos devem praticar atividades por pelo menos 300 minutos semanais – ou seja, um hora por dia, durante cinco dias, ou 40 minutos diários durante toda a semana. 

Também é indicado que metade desse tempo seja gasto em atividades de alta intensidade se não houver contraindicações médicas. A caminhada, por exemplo, pode ser uma alternativa para aqueles que desejam se exercitar, mas não querem ir para uma academia. Estudos apontam que a prática melhora a circulação, fortalece o pulmão e pode prevenir quadros como a osteoporose e a depressão. 

O sono também é importante para a manutenção da saúde

Um estudo realizado pela Universidade de Montreal indica que problemas com o sono podem ser prejudiciais à saúde das pessoas, afetando principalmente o coração. 

De acordo com os pesquisadores, a pressão arterial pode aumentar em períodos prolongados sem dormir. A longo prazo, essa pode ser uma situação bastante preocupante, visto que a hipertensão é um dos fatores de maior risco para a saúde de todo o sistema circulatório. 

Especialistas alegam que atividades físicas podem ajudar na qualidade do sono, assim como ingerir apenas alimentos leves antes da hora de dormir. 

Alimentação: qual é o seu papel em uma vida mais saudável? 

O impacto da alimentação na longevidade não é nenhuma novidade. De acordo com um estudo publicado na revista científica The Lancet, durante 2017, uma a cada cinco mortes foram provocadas por maus hábitos alimentares. 

A alimentação é um dos fatores que mais influenciam a imunidade e, a longo prazo, também contribui para o aumento da longevidade. Médicos indicam que uma alimentação balanceada deve conter proteínas, minerais e agentes antioxidantes. 

A maior parte desses itens podem ser encontrados em alimentos como ovos, vegetais de folhagem escura e probióticos. Apesar disso, muitos indivíduos – sobretudo os que têm restrições alimentares – precisam de suplementação. Esses são itens que podem ter sido difíceis de encontrar há alguns anos, mas, com o avanço das lojas online – como a Farmácia Sempre Viva, por exemplo –, a obtenção de suplementos seguros e efetivos foi facilitada.

Olá, sou a Vivian Costa, Farmacêutica, apaixonada por saúde preventiva, antienvelhecimento e beleza, com foco para minha Farmácia de Manipulação; a Sempre Viva. Estou sempre atenta às novidades, adoro desenvolver novas fórmulas e vou compartilhar um pouco de tudo com vocês. Veja um pouco da minha trajetória em: https://blog.farmaciasempreviva.com.br/curriculo/

Vivian Costa
Vivian Costa
Olá, sou a Vivian Costa, Farmacêutica, apaixonada por saúde preventiva, antienvelhecimento e beleza, com foco para minha Farmácia de Manipulação; a Sempre Viva. Estou sempre atenta às novidades, adoro desenvolver novas fórmulas e vou compartilhar um pouco de tudo com vocês. Veja um pouco da minha trajetória em: https://blog.farmaciasempreviva.com.br/curriculo/