Mulher prestes a espirrar devido a uma alergia

Descubra 6 Anti-histamínicos Naturais para Aliviar Seus Sintomas de Alergia

Lidar com alergias sazonais pode ser um grande desafio. Embora os tratamentos comuns incluam medicamentos vendidos sem prescrição (anti-alérgicos como Loratadina, Polaramine, Cetirizina, Desloratadina dentre outros), alternativas naturais também são opções valiosas. Entre essas alternativas estão, por exemplo, a vitamina C, o abacaxi e a quercetina.

Para quem sofre de alergias sazonais, sintomas como espirros, coceira nos olhos, congestão nasal e pressão nos seios da face podem ser bastante incômodos. Esses sintomas podem ser resultado de rinite alérgica devido à mudança da estação do ano ou exposição a substâncias suspensas no ar (como o pólen e pó) ou outras alergias sazonais, e, embora diversos medicamentos possam ajudar a controlá-los, muitos apresentam efeitos colaterais indesejados.

Se você já tentou diversos medicamentos vendidos sem receita e está buscando algo diferente, então as soluções naturais podem oferecer alívio. Compreender como funcionam os anti-histamínicos naturais pode ajudar a decidir se eles são adequados para você durante a temporada de alergias.

Como Funcionam os Anti-histamínicos?

As alergias são uma resposta do sistema imunológico a substâncias normalmente inofensivas, como pólen, pêlos de animais ou poeira. Quando essas substâncias entram em contato com as mucosas do nariz, boca, garganta e pulmões de uma pessoa alérgica, o que desencadeia a liberação de histamina. A histamina é responsável pelos sintomas alérgicos, como espirros e coceira.

Mr. Bean assoando o nariz
Mr. Bean assoando o nariz: alterações nas estações do ano e partículas suspensas no ar, como pólen e pó podem desencadear reações alérgicas.

Os anti-histamínicos, popularmente conhecidos como anti-alérgicos, bloqueiam a atividade da histamina, interrompendo a reação alérgica. Além disso, além dos medicamentos de farmácia, certos alimentos e extratos vegetais podem agir de forma semelhante, bloqueando os efeitos da histamina. Aqui estão alguns exemplos:

Probióticos

Probióticos são microrganismos que ajudam a manter o equilíbrio das bactérias benéficas no intestino. Fontes de probióticos incluem chucrute, iogurte, kombuchá, além disso, cepas selecionadas de probióticos que estão em suplementos, como o Pool de Lactobacilos.

Pesquisas sugerem que os probióticos podem reduzir e prevenir sintomas alérgicos, além de ajudar no tratamento de asma e dermatite atópica.

Vitamina C

A vitamina C, encontrada em frutas cítricas, folhas verdes e frutas vermelhas, desempenha várias funções no organismo, além disso incluindo a cicatrização de feridas e o combate a infecções. Estudos indicam que a vitamina C pode aliviar os sintomas da rinite alérgica, como coceira e espirros.

O  bom suco de limão, rico em vitamina C, pode ajudar a reduzir os sintomas da rinite alérgica.

Suplementar a vitamina C pode ser benéfico para quem não consome quantidade suficiente desta vitamina através da alimentação.

Urtiga Dioica

A urtiga é uma planta com propriedades anti-histamínicas naturais. Estudos mostram que a urtiga pode reduzir os sintomas de alergias, embora mais pesquisas sejam necessárias para confirmar sua eficácia. A urtiga pode ser consumida como suplemento ou chá.

Quercetina

A quercetina é um antioxidante presente em cebolas, alho e maçãs. Além disso, estudos indicam que a quercetina pode funcionar como um anti-histamínico, reduzindo efetivamente os sintomas alérgicos. Pode ser consumida na forma de suplemento ou através de alimentos ricos em quercetina.

Bromelina

Encontrada no abacaxi, a bromelina é conhecida por tratar problemas respiratórios e inflamações associadas a alergias.

Pesquisas indicam que a bromelaína ou bromelina pode ser eficaz contra a sinusite. Consumir abacaxi é a melhor forma de obter bromelaína, em vez de tomar suplementos.

Berberina

A berberina é um extrato da planta Phellodendron Amurense e tem sido um remédio popular na China por suas propriedades antibacterianas, gastrointestinais, antifúngicas e anti-inflamatórias.

Embora não existam estudos em humanos suficientes para provar isso, estudos em ratos descobriram que a berberina mostrou efeitos anti-inflamatórios na rinite alérgica.

Suplementos para Alergias

Hista Low

Hista Low é uma combinação de ativos naturais formulados para degradar a carga de histamina, reduzir inflamações e diluir secreções. Sua composição inclui vitamina C, extrato de urtica dioica e bromelaína, todos conhecidos por suas propriedades anti-histamínicas e anti-inflamatórias, além do NAC (N Acetil L Cisteína).

O Hista Low oferece uma abordagem multifacetada para controlar os sintomas de alergia de forma eficaz e natural.

AdiDAO

A enzima AdiDAO é especialmente útil para pessoas que não conseguem produzir a enzima DAO em níveis ideais. Essa enzima ajuda a metabolizar a histamina, um composto responsável por muitos sintomas de alergia.

A suplementação com AdiDAO pode ser essencial para quem sofre de intolerância à histamina, ajudando a aliviar sintomas como dores de cabeça, erupções cutâneas e problemas digestivos.

Outras Opções de Tratamento

Além dos anti-histamínicos naturais, vários medicamentos de venda livre e prescritos estão disponíveis para controle dos sintomas de alergia. Por isso, se os sintomas forem persistentes e afetarem sua vida diária, consulte um médico para um plano de tratamento.

Conclusão

Encontrar alívio para as alergias pode ser desafiador, mas combinar remédios naturais com autocuidado e evitar alérgenos pode fazer uma grande diferença. Certifique-se de obter suplementos de fontes de qualidade e consulte um médico, caso os sintomas sejam persistentes.

Vivian Costa
Vivian Costa

Olá, sou a Vivian Costa, Farmacêutica, apaixonada por saúde preventiva, antienvelhecimento e beleza, com foco para minha Farmácia de Manipulação; a Sempre Viva. Estou sempre atenta às novidades, adoro desenvolver novas fórmulas e vou compartilhar um pouco de tudo com vocês. Veja um pouco da minha trajetória em: http://blog.farmaciasempreviva.com.br/curriculo/

Artigos: 415

Deixe uma resposta